Os seus sonhos são como sementes, se ficam guardados na gaveta da sua alma em vez de germinar na sua vida, ele secam o seu coração.

A bem da verdade, cada vontade saudável, cada sonho admirável é a forma que o Universo encontrou de lhe dizer qual a sua missão nesse mundo.

Certamente, é o cosmos dando a você a oportunidade de escrever um destino incrível. Mas tem muita gente desperdiçando essa oportunidade divina.

Por isso, não se acomode, não desista no primeiro obstáculo nem em qualquer outro. Tente sempre que a vida lhe permitir, enquanto houver vitalidade no seu corpo e sua alma estiver por aqui.

Entretanto, lembre-se de que nenhum sonho existe sem ação. Você deve plantar a semente na terra fecunda da vida, para o destino brotar a muda na existência daquilo que lhe trará suas maiores alegrias e felicidades.

O fluxo divino do correr do tempo é o florescer da semente que dá os frutos que você tanto espera.

Nosso planeta é um constante gerador de vidas. Por isso, você precisa cultivar seus sonhos para que eles se tornem reais.

Porque a força continuante e criativa do Universo conspira ao seu favor o tempo todo. Mas ela não age só. É o seu papel regar a sementes, zelar pela sua plantação. Fazer sombra e proteger seus sonhos ao ser escudo das tempestades de contradições e dificuldades que atravancam seu caminho para, então, mantê-la viva.

Além disso, não se compare com os outros.

Com certeza cada pessoa é um ser único, com sua história sobre as bases do seu próprio solo. Suas vivências, princípios e valores. Como também suas tendências genéticas e influências do ambiente em que cresceu.

Quando você foca no processo do germe alheio, corre o risco de deixar sua própria muda secar. Quando negligencia o desenvolver das suas raízes, corre o risco de deixar seu sonho morrer. Se você presta mais atenção no jardim do vizinho, o seu há de carecer de cuidados. É a erva daninha desmantelando sua plantação de sonhos.

Portanto, a felicidade tem dois apoios.

Faça a sua parte com empenho, integridade e resiliência e deixe os milagres com o Universo.

Afinal, não há satisfação maior do que entender que aquele pequeno brotinho de desejo se transformou em uma grande e verdosa árvore repleta de frutos que, não são nada mais do que seus lindos sonhos realizados, florescendo alegrias no seu coração.

Esse é o único sentido que faz a vida valer a pena.

COMENTÁRIOS




Luciano Cazz
Luciano Cazz é formado em Comunicação, também ator e roteirista pela NYFA (New York Film Academy). Além de estudante de Psicanálise. Autor do livro A Tempestade Depois do Arco-íris.