Como já dizia Lulu Santos, “Quando um certo alguém desperta o sentimento é melhor não resistir e se entregar” Afinal, a vida é trem bala parceiro.

Eu também acho que é bobagem a mania de fingir, negando a intenção. Veja bem, a vida é muito curta para você desperdiçar o que ela tem de melhor: os sentimentos bons.

Por isso, nunca vale a pena guardar dentro de si um amor, seja qual for, seja por quem for, pois, o tempo passa e as oportunidades perdidas se mudam sem volta para o intocável passado.

Desta forma, uma chance de amar não aproveitada morre para existência e leva consigo toda aquela explosão de paixão que poderia ter acontecido no coração. Também leva as alegrias, os aprendizados e os mais simples e sublimes momentos que fazem da vida a dois uma dádiva em nosso destino.

Então, quando sentir apreço, não se acanhe, demonstre! Do mesmo jeito, não ignore as amizades que podem trazer tantas coisas boas à sua vida.

Rodeie-se de quem você gosta. De quem lhe causa amor, contentamento, gratidão. De quem lhe coloca para cima e sabe ser um ombro aconchegante. São essas pessoas, que lhe fazem bem, as merecedoras de sua atenção e tudo de melhor que guarda dentro de você.

Muito importante: não desconfie dos bons sentimentos antes de ter certeza. Dê um voto de credibilidade e deixe que o tempo construa uma relação ou dissolva a ilusão. Vale mais a pena do que dar voz ao medo de se deixar apaixonar ou ao orgulho que nos paralisa diante do amor.

Porque evitar a faísca do encantamento? Porque apagar a fagulha da paixão? Se na vida não há nada melhor do que amar e ser amado.

Nada que substituída a divina sensação de estar na companhia ou nos braços de quem se ama.

Por isso, jamais tenha vergonha do seu sentimento. Não faça joguinhos. Melhor, jogue limpo. Sinta a sintonia e deixe que ela lhe conduza, sem os freios da insegurança ou qualquer sensação de inadequação.

Amar não é feio, pelo contrário, é o melhor sentimento que podemos ter dentro da gente ou receber de alguém.

Lembre-se, você é um ser de amor, capaz de ser amado. Seus defeitos não podem desfazer o ser humano lindo que existe dentro de você.

Não há dúvidas de que você merece sentir e dar todo amor desse mundo. 

As distorções estão nos seus olhos e não no espelho, porque existem pessoas que são capazes de amar cada pedacinho seu, cada mania, cada preguiça, seu mau humor matinal.

Assim também é o seu coração, apto a amar o outro apesar das imperfeições dele. E é isso que faz do amor o sentimento mais lindo do mundo.

Construa seu castelo de afeto e se o mar o levar, construa outro porque nessa vida não há melhor lugar para ocupar o seu tempo senão no amor.

Em seguida, abra o coração mesmo com o risco de parti-lo, porque a cura para qualquer alma ferida é o amor de novo e de novo, sem parar. Entre nesse ciclo de amores que invadem seu ser e tomam sua alma completamente, fazendo você flutuar até as estrelas.

Se não souberem lhe retribuir, não deixe seu coração se quebrar. Tenha piedade desse ser e orgulho de si mesmo, pois fez a sua parte sem medo e de peito aberto.

Viver na arrogância, na inveja, na melancolia ou na raiva é viver no lugar errado, uma vez que a morada e o destino da nossa alma é o afeto, e nada mais do que o afeto.

Então, aproveite sempre sua vida junto aos bons sentimentos, uma vez que, só somos felizes de verdade, aonde quer que for que resida o amor.

“Me dê a mão, vem ser a minha estrela. Complicação, tão fácil de entender…”

 

COMENTÁRIOS




Luciano Cazz
Luciano Cazz é formado em Comunicação, também ator e roteirista pela NYFA (New York Film Academy). Além de estudante de Psicanálise. Autor do livro A Tempestade Depois do Arco-íris.